VOA-CIRC-2020-01

Circular de Pulverização para Desinfecção de Superfícies e Locais
São José dos Campos, São Paulo
25 de Março de 2020

Com base em estudos internos e em colaboração com parceiros internacionais, a VOA elaborou a presente circular de informações para Pulverização para Desinfecção de Superfícies e Locais. O propósito desta circular é informar a quem interessar possa, incluindo e não se limitando à própria rede de serviços e Franqueados VOA, as possibilidades para o uso da Tecnologia de Drones para serviços de Pulverização com o Propósito de Desinfecção para mitigação, retardo e diminuição da disseminação de vírus em locais públicos, ruas, pátios industrias e hospitalares, praças, entre outras similares.

Em paralelo, a VOA colocou no ar uma nova área, chamada de “Pulverização Urbana”, em sua plataforma de serviços. Esta área está à disposição para receber de autoridades e outros interessados eventuais solicitações de Desinfecção em qualquer localidade presente no território nacional.

Por outro lado, a VOA esta disponibilizando um canal para receber cadastros de operadores de drones que possuam meios técnicos (drones, capacitação técnica) para pulverização. Com base nisso, poderemos facilitar que eventuais demandas para Desinfecção sejam atendidas por operadores capacitados regionais.

Acesse a plataforma de serviços por aqui

Após seu cadastro inicial, entraremos em contato. Caso necessite, entre em contato pelo Telefone +55 12 3911 1881 ou Whatsapp +55 12 99609 4343

A) Introdução

As autoridades internacionais e a OMS trabalham juntos para controlar a disseminação do vírus COVID-19. Os governos e autoridades mundiais estão trabalhando ativamente em estratégias, métodos e procedimentos para retardar e diminuir a evolução da epidemia hoje presente.

A VOA junto com os principais fabricantes de drones industriais no mundo tem desenvolvido métodos de uso de drones contra o coronavírus usando nossa tecnologia para proteger a vida das pessoas.

Os drones VOA-001 e VOA-002 podem ser utilizados para distribuir uma mistura de desinfetantes a base de água e cloro em localidades e áreas afetadas. Um drone tem uma capacidade máxima diária em hectares de aproximadamente 20 hectares e, portanto, pode pulverizar uma média de uma localidade por dia. Os drones podem ser manipulados pelos pilotos especialmente treinados pela VOA, ou por operadores já treinados de autoridades e empresas.

Além de ajudar a desinfetar prédios e objetos de ruas, a pulverização por drones desempenha um papel importante na minimização do potencial de disseminação do coronavírus para por possíveis aves e mamíferos portadores de vírus, como ratos e outros roedores.

A solução que tem sido utilizada como ajuda rápida e eficaz na proteção contra o coronavírus é baseada em desinfetantes que possuem como principal composto ativo o Hipoclorito de Sódio ou Cloro ou o Cloreto de Alquildimetilbenzilamônio.

Existem referências mundiais de uso de drones para este fim. Diariamente mais e mais localidades são desinfetadas.

Área de pulverização:

(1) Locais públicos onde pessoas podem circular, como fábricas, parques, escolas, postos de gasolina, mercados abertos, rodoviárias, etc.

(2) Distrito residencial, como localidades, comunidades, etc.

(3) Área de perigo potencial, como distritos de isolamento, hospitais e outras áreas de risco em que possam possuir vírus.

Drone VOA-001 em Testes de Pulverização
Drone VOA-001 em Testes de Pulverização
VOA-001 pulverizando desinfetantes contrat o COVID-19 (Coronavírus)
VOA-001 pulverizando desinfetantes contra o COVID-19 (Coronavírus)

B) Procedimentos Operacionais:

As recomendações aqui não substituem a operação segundo o manual de vôo dos drones, são apenas complementares.

Modo de Vôo

  • Vôo em modo autônomo em ambiente externo aberto;
  • Vôo em modo GPS Manual em ambiente externo com obstáculos.

Antes do Vôo

  • Garanta que as baterias estejam totalmente carregadas;
  • Antes da decolagem, realize a calibração de sistemas para o local;
  • Faça checagem de obstáculos na área de operação;
  • Garanta que pessoas não estejam presentes na área operacional, respeitando as nor-mas vigentes de operação de drones.

Em Vôo

  • Abra a camera de vôo para observar as imediações;
  • Se necessário, o piloto pode operar a partir de plataformas elevadas: terraços, topos de veículos;
  • O vôo deve ser VLOS (em linha de visada visual);
  • Fique atento aos sistemas contra interferências externas, principalmente dos magnetômetros.

Após o Vôo

O desinfetante contendo cloro ou amônia é corrosivo. Após as missões, deve-se imediatamente limpar e manter o equipamento livre de resíduos do desinfetante.

Drone Praças e Ruas contra o COVID-19 (Coronavírus)
Drone Praças e Ruas contra o COVID-19 (Coronavírus)

C) Recomendações do Produto:

Com base em testes realizados e no histórico de aplicações no mundo e no Brasil, pode-se assumir o uso de desinfetantes cujo princípio ativo é:

  • Hipoclorito de Sódio, ou;
  • Cloreto de Alquildimetilbenzilamônio.

As tabelas abaixo apresentam algumas diretrizes para pulverização.

ObjetoConcentraçãoTempo NecessárioMétodo
Desinfecção de Superfícies e Coisas0.1% 1000mg/L10 min1L de água com 20ml de solução primária
Desinfecção por mergulho de coisas contaminadas0.05% 500mg/L1L de água com 10ml de solução primária

Tipo da ÁreaConcentraçãoAltitudeVelocidadeVolumeBicos
Área suspeita de infecção0.10%3 a 5 metros3 a 5 m/s3 a 4.5 ml/m2015
Área sem suspeita de infecção0.05%3 a 5 metros3 a 5 m/s4.5 a 7.5 ml/m2 015

D) Observação de Normas e Regulamentos:

As operações sugeridas nesta circular via de regra são viáveis de serem executadas mantendo o respeito à legislação vigente para operação de Drones.

Especial atenção deve ser dada ao Regulamento Brasileiro de Aviação Civil Especial 94 e a ICA 100-40., conforme previsto nos Procedimentos e Especificações para o Homologado VOA, Documento VOA-BIZ-100-00.

Para maiores informações sobres a regulamentação de Drones no Brasil, acesse o site da ANAC, e DECEA.

D) Referências:

A presente circular tem como referências:

  1. ANVISA, Segurança do Paciente em Serviços de Saúde, Limpeza e Desinfecção de Superfícies, Brasília, 2010.
  2. Fórum Econômico Mundial, 3 Ways China is Using Drones to Fight Coronavírus, Março/2020.
  3. PAN, C. UK university study identifies Chinese drone maker XAG as best fit for disinfection operations to fight coronavirus spread, Seul, 27 de Março de 2020.
  4. Utilities Middle East staff. Covid-19 Spread Opens New Frontiers For Drones In UAE, Dubai, 31 de Março de 2020.
  5. Staff Reporter, 03 de Abril de 2020, Nova Deli, SDMC uses drones to disinfect Nizamuddin.
  6. AYLING, L. Daily Mail Australia, 03 de Abril de 2020, How the streets, shopping malls and playgrounds of Australia could soon be sprayed with disinfectant by DRONES in a radical new plan to defeat coronavirus.
  7. General office of the national health commission of China, New Coronavirus Pneumonia Prevention and Control Solution, Notice of the General Office of the National Health and Health Commission on Issuing a New Coronavirus Pneumonia Prevention and Control Plan (Fifth Edition), 21st Feb 2020.
  8. General office of the national health commission of China, Guidelines for the Use of Disinfectants, Notice of the General Office of the National Health and Health Commission on Printing and Distributing Guidelines for the Use of Disinfectants, 19th Feb 2020.
  9. Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA, Recomendações e alertas sobre procedimentos de desinfecção em locais públicos realizados durante a pandemia da COVID-19, 27 de Março de 2020, NOTA TÉCNICA No 22/2020/SEI/COSAN/GHCOS/DIRE3/ANVISA
EnglishPortuguese